segunda-feira, 23 de setembro de 2013

Alguma coisa acontece

Olívia de Cássia – jornalista

Alguma coisa está diferente dentro de mim: eu sempre fico com essa sensação quando algo ou alguma coisa está para acontecer em minha vida. É muito estranho isso: um sexto sentido, talvez.É Impressionante como isso acontece comigo; uma sensação diferente, como um peso, uma angústia talvez, uma expectativa exagerada: tudo junto.
De vez em quando eu sinto isso, uma sensação de déjà-vu.

Vontade de expulsar alguma coisa de dentro de mim, um sentimento, talvez, não sei. É uma sensação inexplicável essa e espero que não seja nada que vá me ferir, ou trazer coisas e sentimentos que não sejam de positividade, de paz e de esperança, ou me tirar o sorriso do rosto.  

Eu acredito na paz, acredito que eu possa, ainda, alcançar alguns sonhos profissionais e da minha vida prática. Não desejo nada de ruim para quem me magoou. Quero ainda ter tempo de me sentir realizada na vida, fazer algumas coisas que eu não fiz, ter uma rotina mais confortável, enfim, quero viver em harmonia e ser feliz.

Paz interior eu tenho, graças a Deus, e quero tê-la sempre dentro de mim, carregar boas vibrações, bons sentimentos, sonhar com lugares que nunca antes foram explorados por mim; fazer viagens agradáveis e ricas de conhecimento, aproveitar a vida, ou que me resta dela.

Será que terei esse tempo ainda? Será que eu mereço?  Por que esse sentimento me toma por inteira e me sufoca, num instante em que desejo serenidade e ficar quieta no meu lugar? Não importa o que eu tenha vivido.

Repito interiormente que tudo já passou, foi mais uma experiência que me trouxe o amadurecimento. A gente não deve mal dizer daquilo que viveu, faz parte da vida, mas tem horas que os sentimentos vêm à tona, sem que nós o invoquemos, do nada.

Tudo passa na nossa mente como se fosse um filme, mas a gente não pode se deixar impressionar com isso: deve ser o excesso de informações, o cansaço, talvez, a adrenalina do trabalho, um amontoado de notícias, que muitas vezes se assemelham aos momentos que foram vividos.

Deve ser isso, mas não custa ficar de sobreaviso, vigilante a qualquer sentimento que venha me tirar a paz interior.  Boa noite. 

Nenhum comentário:

Gaspari diz que agressão de Bolsonaro aos argentinos foi assombrosa

247 – O jornalista Elio Gaspari ficou indignado com a agressão de Jair Bolsonaro ao povo argentino, dois dias atrás. "A declaração de J...