terça-feira, 15 de julho de 2014

Vejo o tempo


Por Olívia de Cássia Correia de Cerqueira

Vejo o tempo passar...
Tão rápido, que eu não percebi
O tempo passar...
Estou ficando velha...
No meu corpo já há
Muitas marcas do tempo,
Mostrando que eu envelheci,
Que eu já não sou aquela
Menina de antes,
Que envelheci  e nem vi
O tempo passar...
Tal qual criança
Ainda alimento sonhos juvenis,
Pois os sonhos não caducam
com o tempo,
como disse o poeta.
Os sonhos ainda existem em mim,
Mas muitos deles já não me cabem mais
Já não me cabe sonhar...
Já não me cabe querer
Porque estou ficando velha...
Velha na idade...
Velha, com marcas no corpo e na alma,
Ainda inquieta
E inconformada...

Postar um comentário

E agora, o que fazer?

Por Olívia de Cássia E agora, o que fazer? Essa pergunta me veio à baila, antes e depois da aposentadoria por invalidez e em alguns dias q...