sexta-feira, 24 de janeiro de 2014

Procissão da bandeira homenageia padroeira de União dos Palmares

Por João Paulo Farias - Texto e Fotos 
Milhares de católicos acompanharam na noite desta quinta-feira, 23, a procissão da bandeira de Santa Maria Madalena, padroeira de União dos Palmares.

O ato religioso segue a programação dos 179 anos da Festa da Padroeira do município, que tem início com a procissão do mastro e termina com o descerramento da bandeira no dia 3 de fevereiro.

Durante o percurso era possível notar demonstração de fé e devoção à Santa; os fiéis cantavam e traziam nas mãos lamparinas. A doadora da bandeira foi à senhora Gorete Galvão.

O pároco da Igreja Matriz, José Clerinaldo, falou da importância da veneração a Maria Madalena, e disse que “a procissão é um momento de reflexão e não para conversas paralelas”, pontuou o padre.

O momento também foi para homenagear a funcionária pública Cléria Lilian, conhecida como “Kely”, assassinada em março de 2013. Kely foi a doadora da bandeira ano passado e foi lembrada nas palavras do pároco como uma “guerreira que devido à violência não pôde estar conosco hoje”, disse Clerinaldo, que rezou uma ave-maria com os fiéis.

Ao chegar à Praça Basiliano Sarmento, mais de cinco mil pessoas, assistiram ao hasteamento da bandeira no mastro que tem 22 metros. A bandeira fica durante as dez noites de festa, que inicia hoje, 24 e tem como dia principal, 2 de fevereiro, com uma grande procissão da padroeira.


















Postar um comentário

E agora, o que fazer?

Por Olívia de Cássia E agora, o que fazer? Essa pergunta me veio à baila, antes e depois da aposentadoria por invalidez e em alguns dias q...