sexta-feira, 3 de janeiro de 2014

Apenas um sonho...

Olívia de Cássia Correia de Cerqueira

Corre solto aquele menino pelas ruas.
Da janela da sala enquanto eu leio,
eu vejo o tempo passar.
Já não passa como antigamente, tem pressa.
Não sei aonde ele quer chegar.
Tempo que urge, que passa velozmente
Sem que a gente se dê conta
 e quando percebemos, já é noite.
O menino não se importa com o tempo.
Quer viver em liberdade, desfrutando de tudo.
Já vai longe...E eu da janela da vida, observo
Que também já não sou a mesma,
O tempo passou e levou quase tudo.
Tempo que não tem piedade da juventude.
Que leva o que vivemos de melhor
Nos transforma e nos faz às vezes mais fortes
As ilusões da vida já se foram...
Acordei, foi apenas um sonho...
Postar um comentário

Alguns instantes. Vivendo por aí...