quarta-feira, 10 de junho de 2015

‘Matuto de Luxo’ Geraldo Cardoso lança novo CD e DVD no Dia dos Namorados

O Matuto de Luxo Geraldo Cardoso promete animar a festa
Evento será no Restaurante Buganvìlia, em Maceió

Olívia de Cássia – Repórter
Foto: Olívia de Cássia

Para quem gosta do autêntico forró e quer comemorar o Dia dos Namorados ao estilo, nesta sexta-feira, 12, a partir das 22 horas, o Matuto de Luxo Geraldo Cardoso lança novo CD e DVD Roda de Forró, no Restaurante Buganvìlia, no evento Noite dos Namorados.

O trabalho foi concebido na casa do artista, nos encontros com os músicos: Pardal (zabumbeiro) e Geraldo Araújo (baixista). “A gente se encontra depois dos shows, para dar uma descansada e virou um show, por intermédio do jornalista Keyler Simões”, observa.

Geraldo Cardoso vai trilhando seu caminho de sucesso, com simplicidade e determinação e uma carreira já consolidada nos palcos do Brasil. O Matuto de Luxo compartilha essa alegria com o público, na próxima sexta-feira, quando promete muita alegria, descontração e forró, pela qualidade do seu trabalho e empreendimento na sua carreira.

Geraldo Cardoso está entre os melhores nomes do forró do Nordeste; prova disso é que ele foi escolhido mais uma vez para representar o Estado de Alagoas nas gravações do "São João do Nordeste" da Rede Globo. Dessa vez o programa é a presentado pelo Wesley Safadão que gravou em cada estado com um artista representando o seu estado. O programa vai ao ar no sábado dia 13 de junho.  

“Cada show que eu faço a emoção é diferente, o prazer aumenta cada vez mais quando sinto que toco no coração e na emoção das pessoas, eu gosto de ver o povo dançando”, pontua o Matuto de Luxo.    
O evento será uma comemoração à Noite dos Namorados e os ingressos estão sendo vendidos no @vivaalagoas (Shopping Maceió) e no local. O restaurante tem amplo estacionamento, pista de dança, cerveja gelada, drinks, bons pratos e segurança.


Além de Geraldo Cardoso, a festa contará com apresentação de Cristóvão Amado, ‘o mais apaixonado do Brasil’  e Ponei, ‘o rei da sofrência’. 
Postar um comentário

E agora, o que fazer?

Por Olívia de Cássia E agora, o que fazer? Essa pergunta me veio à baila, antes e depois da aposentadoria por invalidez e em alguns dias q...